Ser o melhor no que eu faço!

Bom dia queridos leitores e amigos do Você pode falar Inglês!

Depois de uma noite de sono revigorante, eu me sinto na obrigação de dizer que minhas ideias amadureceram muito durante uma noite de sono!

Eu me recordo como se fosse hoje, a minha primeira postagem pelo projeto Você pode falar Inglês e o meu foco com aquela postagem era completamente diferente daquela que hoje tenho!

Gostaria de saber quais sãos as ideias e os objetivos que eu tenho para com o projeto a partir de hoje? So, follow me!

(Clique na imagem para ler a mensagem)

Pessoal, o meu verdadeiro foco dentro do Você pode falar Inglês vai ser:

- Motivar alunos ao aprendizado do Inglês;
- Mostrar para todas as pessoas que sim, é possível aprender inglês quando somos determinados;
- Dar dicas de estudo e como entrar em contato com o idioma;

Entre tantas outras, eu gostaria de avisar-lhes que o foco do website está sendo modificado por quê eu como pessoa e professor também me sinto modificado!

Como Eduardo Souto eu sinto que deveria continuar atualizando este projeto com exercícios para meus alunos ou mesmo com fatos culturais interessantes, mas, depois de alguns acontecimentos recentes na minha vida eu percebi o seguinte:

"As pessoas gostam de ler palavras motivacionais, elas não gostam de entrar em um website onde só exista exercícios e coisas do tipo!"

Eu parei, analisei e constatei que esta foi a maior descoberta que eu fiz em relação a projetos online que eu já estive engajado!

Então, se você busca motivação para se aperfeiçoar no inglês você está no lugar correto querido leitor!

Eu quero a partir de hoje ser o melhor no que eu faço!

Se eu não puder ser o melhor professor que vocês conheçam eu com certeza poderei dizer que sou o melhor que eu posso ser.

Sobre o Autor:


Eduardo Souto é Professor de Inglês e Blogueiro, 21 anos de idade. Seu principal objetivo é descomplicar o idioma, mostrando que se você quiser você pode falar inglês!
"Um pouco por dia e seu objetivo será alcançado!"


             
Comentários
0 Comentários

0 comentários: